quinta-feira, agosto 13, 2009

Assim era o Verão

Começava com a chegada dos meus primos. Vinham de Lisboa e passavam um a dois meses connosco. As segundas-feiras eram sinónimo de pipocas e sofá. Perder os "Jogos sem Fronteiras" era impensável e a semana só começava mesmo bem se no final viéssemos para a rua bater em panelas para festejar a vitória de Portugal. A casa da minha avó era o nosso refúgio, para jogos, brincadeiras e segredos, muitos segredos. Era o centro da conspiração. A cozinha da minha mãe também sofria. Queríamos bolos, mas queríamos ser nós a fazê-los. Raramente saíam bem. Depois havia as bicicletas, as figueiras, as estradas de terra batida, os pinhais, os piqueniques e os jogos de caça ao tesouro. Fazíamos teatros, espectáculos de dança e acrobacias. E cobrávamos bilhetes a quem vinha assistir, por insistência nossa, claro! Tínhamos bancas de vendas, éramos rivais. Lutávamos em guerras de fisgas, com pedras e elásticos. Andámos pelos telhados e chateávamo-nos. Havia intrigas, zangas e amuos. Passavam rápido. Afinal de contas, à segunda-feira éramos todos amigos outra vez. Para ver os "Jogos sem Fronteiras".

8 comentários:

Debor@h disse...

Nada como uma boa infância com belas recordações para matar a saudade daqueles tempos que infelizmente já não voltam mais. Beijos e melhoras!

IandU disse...

:D

O quanto eu gostava dos jogos sem fronteiras. Eram míticos :)

pepita chocolate disse...

Fizeste-me sorrir. e lembraste-me outros Agostos, de dias quentes e noites fantásticos.

Beijoca!

Anónimo disse...

Boa máq do tempo!Boas recordações!:)

Anónimo disse...

ahhh bons tempos;D... outros tempos.... oh mulher já te disse uma bez e bolto a repetir... escreve um livro!!!
SMay

teenage riot disse...

outro dia lembrei-me disso também, mas confesso que o jogo do detective (dum post anterior qqr) se me evaporou da memória. acho que é o que dá ser a mais nova..
beijinhos

Vanita disse...

Oh, que linda! Obrigada pela visita :)

O dos detectives - chamei-lhe assim! - era aquele que fez o nosso priminho seguir todos os passos da avó ;)

Beijoooosss

Vanessa Cruz disse...

Muito giro, mesmo. Que saudades de ser pequenina!