terça-feira, março 06, 2012

Sou uma pessoa má

Disse que à senhora da caixa que estou grávida só porque ela me obrigou a ceder a vez - não o lugar porque não havia fila - a uma gestante. Deixei a verdadeira passar, mas depois brindei a implicante com uma novidade inventada: "Também estou grávida!". Eu sei, vou parar ao Inferno.

9 comentários:

teardrop disse...

Desculpa, mas tive que me rir... Acho que vais ter companhia lá em baixo ;)

Carolina disse...

Ahahah zDDD

Fica o consolo: deixa lá que não vais sozinha!

Anónimo disse...

Anónimo Confessa:
Vamos ter festa lá em baixo!!!

O blog de um HOMEM disse...

Muito bom o teu blog!

Visita o meu em: http://oblogdeumhomem.blogspot.com
Se quiseres adiciona-me como membro!

34 disse...

Quantas e quantas vezes já me apeteceu dizer isso... Uma vez até me obrigaram a tirar as compras da passadeira, para passar uma grávida.. Não que eu não tenha consideração por grávidas... Mas só tinha de esperar mais um pouco... 5 minuts no máximo...

RochaMocha disse...

Ehehehe... Estiveste muito bem... Até porque deixaste a gestante passar! Depois foi só um requinte de "malvadez"!!! :p

Maria Eva disse...

ahahahahah...

Anónimo disse...

por algum motivo ha caixas prioritarias.... e se nao aceitam k vos passem a frente numa caixa prioritaria pura e simplesmente escolham outra!!!

Vanita disse...

Caro anónimo,

Concordo que as caixas prioritárias são para quem estão destinadas e nunca coloquei isso em causa. O que não concordo é com o abuso desse direito. Eu não estava a passar à frente de ninguém. Se uma grávida chega à caixa quando estou a começar a ser atendida, lamento, mas não está correcto que me obriguem a tirar as coisas da passadeira para que ela possa passar. Distorce todo o sentido legítimo da coisa. Porque o direito de ser atendido rapidamente devido ao estado de gestação, não confere autorização para atropelar as regras de boa educação. Quem anda às compras no supermercado, com certeza, também pode aguardar pela vez de ser imediatamente atendido na sua caixa. Se eu estivesse grávida, como é que se resolvia a questão?