terça-feira, dezembro 28, 2010

Há sempre uma primeira vez para tudo...

Este foi o ano em que perdi o meu primeiro emprego, um emprego que mantinha há anos. E as lições que isso me ensinou? Algumas ainda estão a ser assimiladas. Aprendi, sobretudo, que por muito que uma rotina nos consuma e pareça nunca ter fim, há um dia em que termina. E nunca mais a poderemos tocar, nem por um instante que seja. A vida muda, sem aviso prévio.

7 comentários:

Inês disse...

Se chegar a minha vez espero ser eu a mudar a vida e não ela a mudar-me a mim.

Vanita disse...

Também espero que tenhas essa sorte. É bom sinal :)

Pepita Chocolate disse...

Às vezes, a vida obriga-nos a mudar, já que nós não temos coragem para mudar. mesmo sabendo que o deveríamos fazer. Por nós.

Beijoca e bom ano de 2011!

Poetic GIRL disse...

O problema é mesmo esse, de mudar sem aviso prévio! Espero que 2011 te sorria! bjs

Pérola Negra disse...

Nem sempre a mudança sem aviso prévio é má... E isso é o mais positivo que consigo dizer agora. Mas pode ser que tudo mude! =)
Felicidades para o novo ano!
Beijinhos

Vanita disse...

Meninas, acho que tenho que me explicar. Eu não perdi o emprego agora, mas em Junho. E não fui despedida, o trabalho é que foi dado como extinto, se assim se pode dizer. Inacreditavelmente as coisas correram bem, muito bem aliás. Não fiquei uma semana sequer sem trabalhar e este ano acabei por não ter férias. No entanto, depois de oito anos na mesma empresa, no tal primeiro emprego, há toda uma rotina que se cria e que faz parte da nossa vida. Seis meses depois, ainda sinto o peso dessa mudança. Mas vejo tudo isto pelo lado positivo, com alguma nostalgia em determinados momentos, mas certa de que tudo foi pelo melhor. Ficou mais claro agora? Se calhar não...

Jibóia Cega disse...

Por acaso ia fazer a mesma pergunta. :)