quinta-feira, junho 17, 2010

Inspiração

Esta miúda sabe o que quer desde os 16 anos. Traçou objectivos, delineou um plano para os conquistar e segue caminho por etapas, sem nunca perder o sonho de vista. Não se conformou com o dia em que disse "quero". Ciente do mundo que a rodeia, Daniela Ruah sabe que tem de lutar para "ser a melhor", como os pais a ensinaram. Atenção, ela sabe que tem de lutar por isso. Ao contrário do que muitos paizinhos ensinam aos seus meninos, os pais da Daniela Ruah não lhe disseram à partida que ela é a melhor. Nada disso. Ensinaram-na a lutar pelos seus objectivos. Sem medos, esta miúda lançou-se à conquista, nunca se acomodou porque nada do que tinha - do que tem - corresponde ao que quer. Não tem medo e segue caminho. E eu gostava tanto de ser como ela.

8 comentários:

Aninhas disse...

Eu admiro-a bastante. Mostra que quando se busca, que quando se luta consegue chegar-se lá...

Bjx

Vanita disse...

E mostra que as meta somos nós que as traçamos. O comodismo é mesmo o nosso pior inimigo...

Inês disse...

Essa "miúda" tem uma popularidade das boas. Não é daqueles fenómenos que fazem os(as) adolescentes ficarem histéricos(as), mas não há ninguém que se atreva a dizer mal dela.
É super simpática e inteligente em todas as entrevistas que dá, não se mete em escândalos, está na boca do Mundo (literalmente) apenas pelo seu trabalho.
É um exemplo de vida, sem dúvida!
E é linda, caraças! Que inveja! Da boa :)

LP disse...

E já entrou na lista das 100 mais sexys do mundo. Merece sim o que está a passar!

D. disse...

É um bocadinho de invejar, é :)

D. disse...

Como dizem os velhotes "é bom que não se estrague" Beijinho

Quando e como eu quiser disse...

Também a admiro imenso!

E. disse...

Tambem eu gostava... mas ha sempre aqueles dias em que não apetece lutar por nada nada... tipo hoje