terça-feira, junho 03, 2008

Fechado

Ultrapassa-me! Eu tentei compreender, juro que sim. Esforcei-me e, por momentos, acho que entendi as razões que podem levar a tomar uma atitude destas. Mas foi sol de pouca dura. Qual é a lógica de fechar um blog, de restringir o acesso apenas a utilizadores pré-selecionados? E a de impedir que se comentem posts? A beleza da blogoesfera é exactamente o oposto. O conseguirmos chegar a quem nunca imaginaríamos, o feedback inesperado que nos rouba um sorriso. A verdade é que anda por aí uma febre. Alguns dos blogs que mais gosto de ler fecharam-me a porta na cara. Posso pedir acesso, é um facto. Mas não o faço. A piada está mesmo em poder entrar sem bater, sem avisar. E mostrar que por lá passei, quando e como quero. Esta casa, posso garantir, vai estar sempre aberta. Para quem quiser.

6 comentários:

Psyhawk disse...

de vez em quando isso acontece...eu já levei com umas quantas fechaduras. mas como sou curioso...

Alf disse...

Para mim o pior mesmo é terem terminado (ou "pausado", não sei...) dois dos meus blogues favoritos... Fiquei triste.

Anónimo disse...

pois...percebo a tua irritação e os teus argumentos...especialmente quando já lá ias. Percebo isso no caso de (por exemplo) um blog só mesmo para um grupo restrito de amigos, mas se ja eras cliente habitual, nao entendo....bjs. JB

Eumesma disse...

Pois, entendo-te muito bem...

Este deveria ser um mundo de livre acesso, a piada está mesmo aí, poder receber opiniões de todo o lado, e não restrigir o espaço..
Acho que existem pessoas que fazem deste espaço a "sua casa" e então, como não tem as portas abertas a todas as pessoas, tb aqui "barram" o acesso, uma grande parvoeira na minha opinião...
Tá já me aconteceu ver fechar blogs que não mais me deram acesso, mas a esses "limpei-os" eu logo da minha lista de links...
Com tanto pessoal interessante a í para se começar a conhecer...:-)

I&U disse...

Eu sei o porquê!
Por acaso tenho o meu restrito agora, tudo por uma questão de privacidade, se alguém estiver a falar contigo ao telefone e tudo coincidir com o que pensas? Se pensamentos que escreveste faz meses, te estiverem a contar na primeira pessoa?
Ninguém gosta de ser plagiado, agora usarem momentos que tiveste e estarem a dizer ao telefone como se fossem seus? O que farias? :P
Eu compreendo-te o blog está como "em obras", estou só a tirar da cache do google para voltar a abrir e saber que quem chega a ele é porque passou por onde eu andei, ou sabe o link e nunca porque ouvi falar da conversa de café do blog X ou Y.

Obrigado por a manteres aberta :D Vou trazer amigos para uma festa, boa? :P

Vanita disse...

À vontade :)