terça-feira, novembro 27, 2007

Gostava muito...


... que parassem de me trocar as voltas! Eu já tenho um horário de trabalho que não lembra ao diabo. O esquema de folgas, então, nem vale a pena gastar o meu latim a tentar explicá-lo. E a isso acresce o facto de, na teoria, de três em três semanas estar no horário chamado da noite. Sim, na teoria, porque na prática o que acontece é que, quando penso que estou de manhã - não é manhã como as pessoas normais, entro bem mais tarde, mas também saio a horas indecentes - à última da hora - porque as más notícias nunca chegam cedo - avisam-me que "tenho" de entrar de tarde. Acontece, é um facto. Mas desregula um organismo já de si pouco habituado a ritmos. O pior é quando a um serviço que termina às duas da manhã se segue um em que é suposto estar às 11h30 da matina a mais de 20 quilómetros de casa. Se há quem consiga, não quero nem saber! A mim atrofia-me, deixa-me mal disposta e sobretudo mal-humorada. Tenho sono e estou rabugenta e realmente já apreciava que tivessem mais respeito pelo meu tempo livre! Tempo livre... o que é isso!

1 comentário:

Mikitas disse...

Ai miga, como eu compreendo-te!
Tem calma...
Bjinho